Brasão de Armas de Rio Claro

0
932

O Brasão de Armas de Rio Claro foi criado pelos professores Dr. Zulmiro Ferraz de Campos e Carlos Hadler. No dia 24 de fevereiro de 1932, foi transformado em lei municipal com a seguinte descrição: “um escudo tendo por timbre a coroa mural de prata, e por suportes dois ramos de indaiá; em campo de goles, um leão dormente, de ouro, e no cantão dextro, de outro, um barrete frígio, de goles, e a divisa em fitão de goles, com letras de ouro QUIETA NON MOVERE.

GOLES: significa Cor Vermelha
CANTÃO DEXTRO: é o canto direito do escudo
CAMPO DE GOLES: significa fundo vermelho
BARRETE FRÍGIO: simboliza a República e a Liberdade

Significado:

O OURO: significa a nobreza, caráter, poder, riqueza e sabedoria;

A COROA MURAL DE PRATA COM CINCO TORRES: indica a cidade, cidade nobre e leal;

GOLES(cor vermelha): representa as vitórias, as conquistas dos rioclarenses e simboliza o patriotismo do povo.

O LEÃO EM REPOUSO: simboliza o povo rioclarense descansando após as vitórias políticas e a liberdade conquistada.

BARRETE FRÍGIO: representa a liberdade, a República sempre sonhada e colocada no “Chefe”, que é o lugar de honra do Brasão, para mostrar que Rio Claro sempre foi um lugar de idéias liberai e republicanas.

AS FOLHAS DE INDAIÁ: representam um tipo de palmeira muito comum nos campos de Rio Claro e que deu origem ao nome “Terra dos Indaiás”.

A DIVISA “QUIETA NON MOVERE” quer dizer: não importune quem está tranqüilo; não mexa com quem está quieto”, ou, em outras palavras: “Cuidado, deixe este povo em paz”.

Fonte: Cartilha Legislativa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui